15º edição do Prêmio Sesc de Literatura anuncia vencedores

Os vencedores da edição 2018 do Prêmio Sesc de Literatura nas categorias Carlos Drummond de Andrade, voltado para poesia, e Monteiro Lobato, para contos infantis foram revelados em cerimônia na noite desta terça-feira (30), no Teatro Ary Barroso (Estação Sesc 504 Sul). Os três primeiros colocados receberam troféu e premiação em dinheiro, além disso, 50 textos (15 contos e 35 poemas) selecionados  pela comissão julgadora vão compor uma coletânea de livros, produzidos e publicados pelo Sesc. O chefe da Divisão de Desenvolvimento Humano, Guilherme Reinecken, juntamente com a gerente da unidade, Cristina Nogueira, representaram o presidente do Sesc-DF, Adelmir Santana.

Campeão da categoria Poesias Carlos Drummond de Andrade, o paraense Daniel da Rocha Leite, parabenizou o Sesc pela iniciativa. “É uma honra receber este prêmio do Sesc, uma instituição presente em todo o Brasil e lembrada por estimular a literatura. Gostaria de destacar que no meu estado, o Pará, o Sesc realiza seu trabalho também em comunidades indígenas e ribeirinhas, levando um pouco de cultura para esse povo tão carente .”, afirmou. Já o vice-campeão da categoria Contos Infantis Monteiro Lobato, André Foltran, veio de São Paulo para receber o prêmio e destacou a importância do reconhecimento para o escritor. “Me sinto honrado de estar aqui hoje, pois essa é uma oportunidade singular que dá espaço para os autores que querem levar seus textos para além da família e amigos. Instituições como o Sesc são como uma guarita para continuar acreditando na transformação por meio da cultura ”, afirmou.

Como forma de incentivar e estimular manifestações artísticas locais e nacionais, o Sesc-DF realiza anualmente os prêmios culturais. O principal objetivo é revelar novos talentos, dar visibilidade aos criadores e situá-los no cenário artístico.

Confira os vencedores

Contos Infantis Monteiro Lobato

1º lugar – “Coleção de sons de Cecília” – Renata Caroline Penzani, de São Paulo

2º lugar – “A desinvenção da minhoca” – José Carlos Barbosa de Aragão, Espírito Santo

3º lugar – “O dindim de coco queimado” –, Wesdley Vasconcelos, Ceará

Poesias Carlos Drummond de Andrade

1º lugar – “Mundana 68/18” – Daniel da Rocha Leite, Pará

2º lugar – “Alcançar o poema” – André Foltran, São Paulo

3º lugar – “Autópsia da instante” – Ronaldo Cagiano Barbosa, São Paulo