Programa Mesa Brasil arrecadou 860 mil quilos de alimentos e atendeu 217 entidades durante 2018

Empresários de Brasília, em parceria com o programa Mesa Brasil do Sesc, ajudaram a solucionar o problema de desperdício de alimentos. Na tarde desta quarta-feira (28), o programa realizou o Encontro Anual de Parceiros e Entidades Sociais, com o intuito de prestar contas sobre os resultados das doações no decorrer do ano, bem como para onde elas foram entregues, no período de janeiro a outubro deste ano. A atividade ocorreu no Teatro Sesc Garagem, na unidade da 913 Sul.

O presidente do Sesc-DF, Adelmir Santana, participou do encontro e reiterou o trabalho realizado pelo Mesa Brasil. Segundo ele, as entidades sociais cadastradas recebem doações diversas, feitas por inúmeros parceiros que cooperam com a redução da desigualdade social no país, numa perspectiva de inclusão social. “Várias instituições precisam de ajuda. Além do trabalho do projeto, que é feito baseado no combate ao desperdício, onde nós buscamos verduras, frutas e legumes, trabalhamos com o lado social junto a parceiros que nos ajudam com outros alimentos que podem ser doados. É a responsabilidade social presente no programa. Isso é importante”, destacou Adelmir.

Atualmente, o Mesa Brasil Sesc no DF conta com 45 parceiros e 217 entidades sociais cadastradas. O encontro contribuiu para apresentar prestação de contas de 2018 com a seguinte reflexão: O Papel Transformador no Combate à Fome e Desperdício de Alimento. Com o apoio dos parceiros, o Programa Mesa Brasil atendeu mais de 56 mil pessoas durante o ano. O programa é uma rede nacional contra a fome e o desperdício de alimentos e tem como objetivo contribuir para a promoção da cidadania e a melhoria da qualidade de vida de pessoas em situação de vulnerabilidade social. É um programa de segurança alimentar e nutricional baseado em ações educativas e distribuição de alimentos.