Veja os espetáculos e shows em cartaz no Teatro Sesc Garagem

 

O Teatro Sesc Garagem, na 913 sul, recebe todos os meses uma intensa programação cultural, incluindo espetáculos, festivais, apresentações musicais e peças teatrais. Durante setembro e outubro, o teatro contará com shows de MPB, teatro infantil e musical, show de humor além dos espetáculos Ramal 003, Copo de Leite e Super Só. Flávio Faria & Os Insurgentes compõem a programação com o show “Andar, andar”. Veja abaixo a programação completa e escolha as atrações.

 


Teatro

Espetáculo: RAMAL 003

Data/Horários: 21, 22, 23/09 às 21h e 24/09 às 20h

Local: Teatro Sesc Garagem – 913 sul

Ingressos: R$ 10 (meia) e R$ 20 (inteira)

Classificação Indicativa: Livre

Sinopse: Em cena, o grupo explora o universo do audiovisual através de projeções para compor sua dramaturgia, assim como a presença de uma banda ao vivo executando a sonoplastia com direção musical de Fernanda Jacob. Buscando abarcar outras linguagens, em Ramal 003 o grupo dá um espaço maior ao texto através do discurso verbal, construindo uma narrativa que opta pelo trabalho com personagens fictícios ao invés do uso de figuras performativas antes usadas para compor espetáculos passados (como se veem em “Pentes e “Calamatraca”).


Espetáculo: COPO DE LEITE

Data/ Horários: 30/09 e 01/10 às 20h

Local: Teatro Sesc Garagem – 913 sul

Ingressos: R$ 10 (meia) e R$ 20 (inteira)

Classificação Indicativa: 16 anos

Sinopse: Em cena, duas mulheres conversam sobre resistir e sustentar os papéis que escolheram – ou não – representar no contexto em que vivem ou sobrevivem. Elas são o que são, e não se desculpam por isso e por nada. Se são felizes, carentes, plenas, desejadas ou satisfeitas, descobre-se na cena. A narrativa busca desconstruir estas personagens em diversos aspectos, vestindo-as de diferentes roupagens e possibilidades.


Espetáculo Musical: SUPER SÓ

Data/ Horários: 19, 20, 21, 22, 27, 28  29/10 às 20h

Local: Teatro Sesc Garagem – 913 sul

Ingressos: R$ 10 (meia) e R$ 20 (inteira)

Classificação Indicativa: 12 anos

Sinopse: Super Só e Outros Videoclipes é um espetáculo musical que narra a vida em uma comercial/residencial situada em algum lugar de Brasília. Os vizinhos, moradores de quitinetes, Everton e Drielle são os protagonistas de uma narrativa que fala sobre sonhos e frustrações, desejos e desencontros. Super Só, um super herói às avessas, ronda a vizinhança e traz sentimentos desoladores. Um cachorro indesejado que se revela o grande companheiro de seu dono, a jovem sonhadora que acaba como atendente de telemarketing são algumas das situações narradas. As cenas são alinhavadas por canções em tom pop rock.


Música

Show: ZAMASTER (lançamento de vídeo clip)

Data/ Horários: 05/09 às 20h

Local: Teatro Sesc Garagem – 913 sul

Ingressos: Gratuito

Classificação Indicativa: Livre

Sinopse: Explosivo, melódico e consistente. Em seu mais recente single, o Zamaster levanta o grito de sua “Pátria Amada” e bandida, conclamando seu público ao ativismo que nasce do som e do pensamento contestador. A banda funde a crítica do cotidiano político em rock concreto de Brasília.


Show: FLÁVIO FARIA & OS INSURGENTES: SHOW “ANDAR, ANDAR”

Data/ Horários: 12/09 às 20h

Local: Teatro Sesc Garagem – 913 sul

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Classificação Indicativa: Livre

Sinopse: Nesta apresentação única no Teatro Garagem, Flávio Faria apresentará seu novo show autoral  “Andar, Andar!”, com repertório renovado em relação aos espetáculos que fez nos últimos 2 anos. Esta apresentação dá continuidade a uma série de shows iniciados em maio de 2015. Serão apresentadas, exclusivamente, composições próprias, nascidas da mistura de ritmos diversos, que resultaram em uma forma única de expressão. Suas músicas têm estilo inconfundível, fácil de ser percebido pelos ouvidos menos treinados. Trata-se de um trabalho envolvente, de muito suingue, e de forte conteúdo poético. Flávio Faria será acompanhado por sua banda “Os Insurgentes”, onde são privilegiados os backing vocals e os solos de violão e guitarra. Um trabalho que tem encantado a plateia brasiliense, cuja presença tem sido significativa em todos os eventos do compositor.


Show: CAOS LÚDICO 

Data/ Horários: 19/09 às 20h

Local: Teatro Sesc Garagem – 913 sul

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Classificação Indicativa: Livre

Sinopse: Caos Lúdico e convidados – Formado no início de 2015, o Caos Lúdico apresenta fortes influências de ska e punk rock em suas composições.  O grupo está comemorando o lançamento do seu primeiro EP, “Teoria do Lúdico”, ao lado de músicos convidados e artistas da cidade.


Show: DO QUADRADO 

Data/ Horários: 24/10 às 10h

Local: Teatro Sesc Garagem – 913 sul

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Classificação Indicativa: 14 anos

Sinopse: Num momento em que a mulher artista é ainda pouco representada na mídia e no qual as representações circulantes, são, em sua grande maioria, representações negativas, limitadas e limitadoras das mulheres, as ações da Roda de Autoras do Quadrado são como uma espécie de contraponto. Informam, divulgam e sinalizam a primavera das mulheres. Sim, mulheres criam e são compositoras, poetas, escritoras de expressão! A Roda de Autoras do Quadrado é esse espaço de celebração, divulgação e inspiração de mulheres jovens e adultas para o ato criativo.


Show: O SARAU

Data/ Horários: 31/10 às 10h

Local: Teatro Sesc Garagem – 913 sul

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia)

Classificação Indicativa: Livre

Sinopse: O Sarau é o espetáculo-monólogo show do ator, músico e compositor João Pedreira, que desenvolve-se desde 2016. O espetáculo-show já passou por saraus de Taguatinga, Samambaia, Cidade Ocidental, Torre de Tv, Deck Norte e Eixão, e recentemente no Maranhão (Cidade de Alcântara – SL).


Dança

Espetáculo: D’ ÁGUA E LAMA 

Data/ Horários: 27, 28, 29/09 às 20h

Local: Teatro Sesc Garagem – 913 sul

Ingressos: Gratuito

Classificação Indicativa: 12 anos

Sinopse: Um recorte do condicionamento do movimento, através de um espelho que reflete a ânsia o desejo e angustia do corpo “beradeiro” na sua contemporaneidade. Influenciado por um território que transmuta o corpo humano homem/ mulher durante as fazes que inicia desde o nascimento, onde os movimentos ainda são involuntários e imprecisos, perpassando pela infância e juventude onde desenha – se movimento de liberdade tais como, um simples pulo para um mergulho nas águas, um giro deitado sobre a lama ou até um longo nado contra a correnteza, chegando até a maturidade onde esses corpos são moldados à movimentos repetitivos e rígidos, como um agachar para lavar roupa na beira do rio, um lance de rede de pesca ou até mesmo a prática do remo, movimento obrigatório para quem vive nessas comunidades.